01 março, 2009

DIÁLOGO COM O HOMEM EM CONSTRUÇÃO-I

I-ÉS A OBRA-PRIMA DE DEUS

Homem em construção: como Humanidade és uma realidade a emergir em seres humanos e a constituir-se como união orgânica de pessoas.

Estás em construção e nunca estiveste acabado, pois a tua plenitude está no fim. Como Humanidade a fazer-se concretizas-te em pessoas.

Aconteces de modo único, original e irrepetível em cada ser humano. À medida que emerges como pessoas, converges para a comunhão universal, a qual foi divinizada em Cristo ressuscitado.

A tua divinização consiste na incorporação das pessoas na comunhão familiar de Deus. Emerges como um rosto com duas faces distintas mas complementares: masculinidade e feminilidade.

Surges no concreto de pessoas talhadas para o amor e a comunhão. A Divindade é pessoas e a Humanidade também.

Isto quer dizer que és uma imagem perfeita de Deus, três pessoas em comunhão amorosa.
Podemos dizer que levas em ti as impressões digitais do Criador.

Surgiste como expressão de um desejo expresso de Deus (Gn 1, 26-27).

Como ternura maternal de Deus, o Espírito Santo imprimiu em ti uma fome infinita de amor e comunhão.

O teu aparecimento significa o cume da evolução da vida na terra bonita e fecunda que Deus nos ofereceu como morada.

Isto quer dizer que na aventura da vida não surgiste como alicerce, mascomo cúpula!

Em Comunhão Convosco
Calmeiro Matias

1 comentário:

Tânia C.Fernandes disse...

A Paz!
Temos um selo ("Vale a pena acompanhar este blog"), indicado ao seu belo espaço, visite nosso humilde blog e o receba...

Fique com Jesus.